Notas Públicas

    Nuno Coelho

    Nossa homenagem a Sergio Storch. Sua ausência será significativa e sua memória, vai animar nossas lutas futuras. Foram muitas e diversas parcerias, realizações, atividades, eventos, como a criação da Frente Inter-religiosa Dom Paulo Evaristo Arns pela Justiça e Paz, a Campanha Contra a Criminalização dos Movimentos Sociais, a Comemoração dos 30 anos da Constituição Cidadã, o Ato Inter-religioso na Sé em homenagem aos 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, o Ato Inter-religioso em apoio ao Sínodo da Amazônia e tantas outras. A partir de 10 de dezembro de 2020 se engajou na campanha Vacinas Já! e no apoio à implantação da CPI da Pandemia.

    SERGIO STORCH foi vítima do corona vírus e da política genocida a qual morreu combatendo. Sua perda abre um enorme vácuo na trincheira dos defensores de Direitos Humanos, impossível de ser preenchida. Era uma das poucas pessoas que podem ser consideradas insubstituíveis.